Trancoso

O astral é relaxado; a natureza, abundante; e as casinhas do centro tombado, coloridas. Os restaurantes são de alta gastronomia, os bares de praia servem coco em cestinhas de palha, as lojas vendem produtos de grife e o público fiel, em sua grande maioria, vem de longe. Se Trancoso pudesse ser resumida em uma frase, ela seria: seu charme é a combinação perfeita entre a simplicidade e o acolhimento dos locais com gente que veio de fora e não arredou mais o pé dali. Sobre uma falésia florestada com vista para praias de águas claras, Trancoso é um pouco menor que a vizinha Arraial e mais extensa que Caraíva.

Fundada pelos padres jesuítas em 1586, foi descoberta pelos viajantes somente no fim dos anos 1970, e hoje é conhecida especialmente por conseguir ser, ao mesmo tempo, rústica e contemporânea, pé na areia e badalada: uma boa metáfora é pensar que o restaurante tranquilo que serve frutos do mar de dia, com mesas e almofadas coloridas sob enormes árvores do lado de fora, pode se transformar em uma animada pista de dança na madrugada.

O Quadrado mais famoso do Brasil

Das mais carismáticas praças do país, o Quadrado de Trancoso é um terreno amplo disposto ao redor da famosa igrejinha do século 17. Em suas laterais estão construções coloridas que abrigam lojas, cafés e restaurantes de música ao vivo e mesas externas, a maioria com luminárias coloridas pendendo dos galhos de grandes amendoeiras. A vida passa devagar ali, entre crianças que jogam bola no campinho, jegues e cachorros andando soltos, banquinhas de artesanato e (muitas) tapiocas, além de casais e famílias, público cativo dos restaurantes, que servem de moqueca a sushi, passando por ceviche peruano a carnes argentinas.

As praias

Quem curte caminhadas longas estará em casa: são cerca de 13 km, por exemplo, para ir do centro até a Praia de Mucugê, já em Arraial, sempre pela areia. No outro sentido, um percurso de 17 km passa por praias vazias como Itaquena, Patimirim e a bela Barra do Rio dos Frades, onde o rio encontra o mar até chegar na Praia do Espelho, considerada uma das mais bonitas e concorridas do Brasil, com seu mar com matizes de verde e azul emoldurado por falésias.

Trancoso de longe (e de costas) para o mar

Também é possível curtir os arredores da cidade mais longe do mar, em passeios de lancha, caiaque ou stand up paddle pelo Rio Trancoso. A cultura indígena, muito presente no dia a dia de toda a região, também pode ser conhecida de perto por meio de uma visita à Aldeia de Imbiriba, uma comunidade de índios Pataxós. Ali também é possível comprar suas produções em artesanato, a maior parte com o uso do coco como matéria-prima.

Porém, o grande ícone do vilarejo é mesmo a sua famosa igrejinha, batizada originalmente Igreja de São João Batista.

Fundada pelos jesuítas, foi erguida em 1656 como era de costume na época — de costas para o mar —, e hoje é muito procurada para casamentos. Gente do mundo inteiro vem aqui especialmente para subir ao altar (como a procura é altíssima, é importante reservar com bastante antecedência). Atrás da igreja está um mirante de onde é possível ter uma vista panorâmica das principais praias locais. Não deixe de ir durante o pôr do sol: o espetáculo é garantido, e independente da época do ano.

Como Chegar

– O trajeto mais rápido é de carro: Trancoso está a 80 km, em estrada asfaltada, de Porto Seguro; e a 40 km a partir do ponto de chegada da balsa, em Arraial D’Ajuda. De Arraial também dá para ir direto pela estrada antiga (26 km, sendo 15 deles de terra);

– Também é possível pegar transfers particulares que saem do aeroporto de Porto Seguro;

– Quem quiser ir de táxi até a balsa de Arraial, pode atravessá-la a pé e, de lá, seguir de ônibus até Trancoso.


Receba novidades do Airbnb diretamente em sua caixa de entrada.

Você receberá emails da Sala de Imprensa do Airbnb e entende que seus dados pessoais serão processados de acordo com a Política de Privacidade do Airbnb. Você pode cancelar o recebimento desses emails quando quiser usando o link de cancelamento de inscrição em cada email.

Para mudar a língua/região de sua newsletter, selecione o país desejado antes de enviar este formulário.

Obrigado por se inscrever!

Ocorreu um erro ao confirmar sua inscrição. Por favor, tente novamente.